16 de agosto de 2010

O regresso ao trabalho

Depois de uma semana de férias, que sabem sempre a pouco, o regresso ao trabalho custa bastante. Cada vez me custa mais. Não é pelas férias, que sabem sempre bem, é o estar com os filhos, em casa, fazer coisas com eles e para eles, ter tempo para estar com eles, adormecer a pequenita a seguir ao almoço e ir fazer um puzzle ou um jogo com o mais velho que já é muito crescido para dormir a sesta (já tem 5 anos, é quase um homem), essas coisas que normalmente não posso fazer. Nesta altura de crise até é sacrilégio dizer que queria estar em casa em vez de trabalhar, mas sinto falta do meu cantinho, dos meus pequenotes, da bagunça e chinfrim que eles fazem.
Para o ano há mais férias, até lá há que aproveitar os fins-de-semana.
Assim, desejo boas férias a quem está de férias e bom regresso ao trabalho a quem regressa.

Um comentário:

  1. Já percebi que já entraste ao trabalho.

    Bjinho
    Papinha Doce

    ResponderExcluir

Obrigada por ter tempo para ler o que escrevo e dar-me a sua opinião. Espero que volte.
Um abraço!!!