7 de setembro de 2012

O regresso à escolinha

Ainda não contei como foi o regresso dos meus filhos à vida escolar porque, com as correrias todas, ainda não houve tempo. Não há muito para contar, porque correu às mil maravilhas. Sarita começou no jardim, na mesma sala e com as mesmas educadoras que foram do irmão. Para mim é mais fácil porque já as conheço e elas a mim e assim não há surpresas (espero). Como ficou com muitos dos colegas da creche, a transição foi mais fácil. O irmão vai lá muitas vezes visitá-la porque é um mano-galinha e tem sempre que ver como está a "minha (sua) pequenita". Em casa andam às turras, mas isso não interessa nada.
O Daniel está no ATL até começarem as aulas mas todos os dias pergunta se já pode levar a mochila com os livros novos. Seria tão bom se este entusiasmo se mantivesse o ano todo...
Tenho ido buscá-los todos os dias porque a minha mãe ainda está no hospital e não quero sobrecarregar o meu pai tanto tempo com os netos (apesar de ele adorar). Assim, saio do trabalho, vou buscá-los à escola, deixo-os com o avô que já tem o lanche a jeito para eles, vou ao hospital e depois vou buscá-los para irmos para casa.
Para a semana começam as aulas e o meu homenzinho já vai para o 2º ano. Está um crescido.
Coisas mai ricas da mãe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por ter tempo para ler o que escrevo e dar-me a sua opinião. Espero que volte.
Um abraço!!!